Célébration de la journée nationale

A l’occasion du 14 juillet, le Consulat Général à Rio de Janeiro a organisé une célébration aux couleurs de la France.

JPEG

Le Consul Général de France à Rio de Janeiro, Jean-Paul Guihaumé, a organisé samedi 14 juillet à midi, dans la bibliothèque du Consulat, une célébration de la journée nationale.

JPEG
Le chef Eric Jourdan a mené de main de maître le buffet de cette célébration

Le chef Eric Jourdan (Oui ! Chef) était aux manettes des cuisines, ayant le fromage comme élément principal. Également peintre chocolatier, Eric a réalisé pour l’occasion des sculptures en pain, plusieurs tableaux en chocolat inspirés des tableaux commémoratifs de la République Française. Ces tableaux, en guise de décoration ont été brisés et dégustés à la fin de l’évènement et les convives se sont vu offrir un petit carreau de chocolat peint.

JPEG

JPEG
au premier plan, le tableau en chocolat, au sol le véritable tableau du consulat

Le trio Daniela Spielmann s’est chargé, avec brio, de la musique. Un petit ajustement de la sonorisation au moment de l’hymne brésilien s’est vite transformé en version instrumentale jouée à la flute traversière et au piano par les musiciens du trio. L’hymne français à quant à lui été entonné a capela par les convives, dans une ambiance décontractée et chaleureuse.

JPEG
Le trio Daniela Spielmann, pour le plus grand plaisir des convives

Retrouvez toutes les photos de l’évènement sur le flickr du consulat : https://www.flickr.com/photos/consulatrio/

Discours du Consul Général de France à Rio de Janeiro, Jean-Paul Guihaumé - discours en portugais

Agradeço a presença de todas e todos aqui hoje, para celebrar a Festa Nacional Francesa.

Desde que eu assumi as minhas funções, no fim do ano passado, pude apreciar o jeito caloroso dos cariocas. Eu percebi também a vontade dos franceses que moram aqui, de se juntarem aos brasileiros para fazer o mundo ficar melhor.
Tive a oportunidade de visitar algumas das mais de 1000 empresas francesas implantadas no Brasil, das quais cerca de 300 estão no Rio. Eu pude ver que elas mantiveram a confiança e continuaram a apostar no Brasil, mesmo em épocas de incertezas econômicas e politicas. Quero parabenizar a agência Business France e a Câmara de Comercio França-Brasil, parceiros privilegiados do Consulado, que tem a função de atrair os investimentos franceses. Estamos muito satisfeitos de podermos trabalhar junto a eles todo dia, aqui na Casa Europa.

Como se sabe, o prédio da antiga “Maison de France” ficou conhecido durante a ditadura como um espaço aberto aos debates e à liberdade de opinião. Mantendo a tradição, continuamos a promover, agora na BiblioMaison, encontros públicos que reforçam os laços franco-brasileiros.

Aproveito para agradecer os nossos parceiros como Aliança Francesa, Infoglobo, instituições universitárias e centros de pesquisas que promovem aqui reuniões de alto nível. Além disso, grupos independentes também organizam eventos em torno dos temas mais diversos, indo de economia, historia e politica a turismo, lazer e bem-estar, passando por arquitetura, moda e gastronomia.

Recentemente, participamos de um encontro da senadora e ex-ministra francesa Laurence Rossignol com representantes de importantes entidades locais, sobre os direitos das mulheres. Tivemos também a honra de acolher a deputada dos franceses no exterior, Paula Forteza, e o Secretário Geral do Ministério de Relações Exteriores da França, Maurice Gourdault-Montagne.
Na semana que vem, receberemos uma delegação do Grupo Interparlamentar de amizade França-Brasil, com três senadores franceses.

Até o fim do ano, teremos ainda outras visitas oficiais como, por exemplo, na ocasião do lançamento ao mar do submarino Riachuelo, que está sendo construído com a cooperação de engenheiros e técnicos franceses e brasileiros, através do programa ProSub. Eu gostaria de agradecer a presença do Primeiro Comandante, assim como de todas as autoridades da Marinha Brasileira.

Faremos também uma cerimonia especial para o centenário da Primeira Guerra Mundial, homenageando os combatentes, as vitimas da guerra e suas famílias.
Para 2019, vários eventos estão programados no Teatro Maison, com destaque para o musical “As Comadres” (Les Belles-sœurs) que terá a supervisão da aclamada diretora francesa Ariane Mnouchkine. Essa produção franco-brasileira-canadense será a grande atração da Festa da Francofonia, em março.

Em junho, teremos a estreia da peça “La belle lisse poire”, uma opera infantil montada em conjunto pelas equipes do Lycée Molière, da Aliança Francesa e do CIEP Lionel de Moura Brizola, a escola publica bilíngue franco-brasileira. Essa opera será o ponto alto da “Fête de la Musique”.

Em termos de intercâmbio cultural, estamos estreitando os laços com os nossos colegas alemães, através da aproximação do Institut Français do Brasil com o Goethe Institute.

Quero agora saudar a minha equipe, não somente pelos bons momentos que compartilhamos assistindo aos jogos de futebol, torcendo pela França e pelo Brasil. Agradeço a cada um dos meus colegas por terem me apoiado com muita dedicação, nessa tarefa nem sempre fácil que é a representação da França junto aos nossos amigos capixabas, cariocas, e mineiros.

Finalmente, neste dia de festa nacional, desejo felicidades aos meus compatriotas e faço votos de sucesso ao presidente da República Francesa, ao seu governo e a todos os representantes eleitos, em particular à Marie, Florence e Alain, que eu saúdo, no exercício das funções que lhes foram confiadas pelo povo.

Para terminar, vamos ouvir o hino francês, o europeu e o brasileiro.
Muito obrigado mais uma vez !

publié le 24/07/2018

haut de la page